17
jan
2013

Menos de 1% das vítimas de pornografia infantil na internet são identificadas

Apenas 0,65% das crianças e dos adolescentes vítimas de pornografia na internet em todo o mundo são identificados, de acordo com Thiago Tavares, presidente da SaferNet Brasil. O índice de menos de 1% é preocupante e evidencia que mais de 99% das crianças abusadas e exploradas sexualmente no mundo não só se encontram fora dos serviços de atendimento, mas ainda podem estar sendo vítimas de seus agressores, explica.

Segundo ele, são 700 mil páginas diferentes de pornografia infantil circulando na rede, que podem ter sido postadas a partir de qualquer lugar no mundo. “Por isso, embora o material encontrado seja prova concreta de crimes cometidos, as autoridades não conseguem identificar nem o local, e muito menos a vítima, a não ser que alguém faça esse reconhecimento e denuncie”. Continue lendo

Tags: , , ,
3.099 leitura(s) - [ leia mais ]
15
jan
2013

Conselhos Tutelares: aliados dos direitos da infância

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), implementado há duas décadas no Brasil, reconhece os direitos da infância e também deve assegurar a criação de órgãos complementares que visam garantir o cumprimento de suas diretrizes. É nesse cenário que surgem os Conselhos Tutelares. Mas, o que é o Conselho Tutelar, qual a sua função e, principalmente, qual a sua importância na garantia dos direitos de crianças e adolescentes?

Integrante do Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente (SGD), o Conselho Tutelar é um órgão público municipal que tem como missão representar a sociedade na proteção e na garantia dos direitos de crianças e adolescentes, contra qualquer ação ou omissão do Estado ou dos responsáveis legais, que resulte na violação ou ameaça de violação dos direitos estabelecidos pelo ECA.

Continue lendo

Tags: , ,
2.545 leitura(s) - [ leia mais ]
11
jan
2013

Com a chegada dos eventos esportivos, Brasil deve se preparar para proteção da infância

A Copa das Confederações, a Copa do Mundo e as Olimpíadas, três grandes eventos que o Brasil irá sediar até 2016, representam oportunidades econômicas, mas também precisam ser estruturados de forma que deixem um legado social positivo para a população brasileira. Essa é a opinião de Itamar Gonçalves, gerente de programas da Childhood Brasil.

A Childhood Brasil elaborou recentemente um levantamento nacional de ações positivas do governo e de organizações sociais relacionadas à rede de proteção da infância frente aos grandes eventos. Segundo Itamar, enquanto o poder público deve focar na melhor estruturação de Conselhos Tutelares, por exemplo, a sociedade civil irá trabalhar com campanhas de sensibilização acerca dos direitos humanos das crianças e dos adolescentes e de sua proteção.

Continue lendo

Tags: , , , , ,
1.723 leitura(s) - [ leia mais ]
10
jan
2013

Para Marcelo Canellas, seu papel de jornalista e cidadão é quebrar tabus

Há mais de duas décadas na TV Globo, o jornalista Marcelo Canellas, de 47 anos, já denunciou esquemas de exploração sexual de crianças e adolescentes no Acre e de trabalho infantil no Nordeste. Ele também abordou a questão da desnutrição quando a imprensa já tinha esgotado o assunto e como desdobramento de uma de suas reportagens no Pará, ajudou a criar um fórum para discutir a exploração sexual em Breves, na ilha do Marajó.

Jornalista premiado, Marcelo tem sua carreira pontuada pela abordagem de questões sociais, o que ele considera um processo “natural” em um país como o Brasil. “Eu não consigo separar a preocupação cidadã com questões sociais, da profissão.” Para ele, o papel do jornalismo é tirar da sombra questões como a violência sexual contra crianças e adolescentes e levar este debate para a sociedade – um dos grandes objetivos também da Childhood Brasil.

Continue lendo

Tags: , , ,
2.370 leitura(s) - [ leia mais ]
9
jan
2013

Criação de Agenda de Convergência de Proteção à Criança e ao Adolescente é discutida em Cuiabá

Childhood-Brasil---Ilustra-ComunicaEm evento realizado em Cuiabá (MT), a secretária de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente da Presidência da República, Angélica Goulart participou das discussões para a criação de uma Agenda de Convergência de Proteção à Criança e ao Adolescente. A proposta é unir os governos federal, estadual e municipal em uma única agenda para evitar abusos e explorações durante todo o período que antecede a Copa do Mundo de 2014, e também durante e após o evento. Continue lendo

Tags: , , , , , , ,
1.080 leitura(s) - [ leia mais ]
8
jan
2013

Seja um voluntário digital por uma infância livre de violência!

Você pode se tornar um agente de mobilização para enfrentar a violência sexual contra crianças e adolescentes por meio do aplicativo Voluntários Digitais, lançado pela Childhood Brasil no Facebook. Qualquer pessoa interessada na causa pode ajudar e para participar, basta acessar aqui e fazer parte desse movimento.

Assim que você se torna um voluntário digital, o aplicativo calcula seu poder de influência no Facebook. A partir de então, você passa a receber automaticamente mensagens sobre a causa toda semana na sua linha do tempo. Assim, você passa a informar seus amigos sobre a causa. Por fim, você também poderá configurar a imagem da capa de seu perfil com ilustrações do projeto e sua foto de perfil com opções de imagens personalizadas, os avatares da campanha.

O objetivo do projeto é quebrar o tabu do silêncio e promover a discussão do enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes na sociedade como um todo. “As mídias sociais têm o poder de ‘viralizar’ as informações e nossa campanha vai levar informações sobre violência sexual para o mural das pessoas”, diz Erika Kobayashi, coordenadora de Programas da Childhood Brasil.

Continue lendo

Tags: , , ,
2.250 leitura(s) - [ leia mais ]
As ideias e opiniões expressas neste blog não refletem necessariamente a opinião da Childhood Brasil. Reservamos o direito de não publicar comentários de conteúdo discriminatório, que incitem qualquer tipo de violência, que não estejam relacionados ao tema foco do blog - proteção da infância contra o abuso e a exploração sexual, ou de caráter duvidoso.