20
fev
2015

Denúncias anônimas de crimes na internet passam de 180 mil em 2014

e-mail-65927_1280As queixas foram escritas em oito idiomas e tiveram um aumento de 8,29% em relação a 2013. Continue lendo

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,
1.363 leitura(s) - [ leia mais ]
13
fev
2015

Childhood Brasil alerta sobre riscos de abuso sexual durante o Carnaval

imgGrande fluxo de turistas no país e festas em maior quantidade aumentam a vulnerabilidade da infância e adolescência.

Continue lendo

Tags: , , , , , , , , , , , ,
1.079 leitura(s) - [ leia mais ]
12
fev
2015

Conheça algumas atividades para a sala de aula

pintandoExistem inúmeras atividades que podem ser realizadas em sala de aula com o intuito de discutir o tema sexualidade. Neste post, selecionamos algumas publicações, sites e livros disponíveis. Se você tiver mais sugestões, envie para nós. Não deixe de conferir também a nossa página de filmografia e publicações. Continue lendo

1.283 leitura(s) - [ leia mais ]
9
fev
2015

Fundo Brasil vai doar R$ 360 mil para combate ao tráfico de pessoas

EditalSerão apoiados grupos de todo o país que atuam nessa temática, para a defesa e promoção dos direitos humanos.  Continue lendo

Tags: , , , , , , , , ,
876 leitura(s) - [ leia mais ]
1
dez
2014

Mapeamento identifica 1.969 pontos vulneráveis à exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias brasileiras.

Em sua 6ª edição, o Projeto Mapear visa à ampliação e fortalecimento das ações de enfrentamento da violência sexual.  Continue lendo

Tags: , , , , , , , , , ,
2.285 leitura(s) - [ leia mais ]
24
out
2014

Childhood Brasil divulga Relatório de Atividades de 2013

CapturarInformações sobre os projetos e as realizações da Childhood Brasil estão disponíveis para consulta e download no Relatório de Atividades 2013. De maneira concisa, o relatório traz as principais ações voltadas para a construção de uma infância livre de exploração sexual.  Continue lendo

Tags: , , , , , , , , , , , ,
1.809 leitura(s) - [ leia mais ]
As ideias e opiniões expressas neste blog não refletem necessariamente a opinião da Childhood Brasil. Reservamos o direito de não publicar comentários de conteúdo discriminatório, que incitem qualquer tipo de violência, que não estejam relacionados ao tema foco do blog - proteção da infância contra o abuso e a exploração sexual, ou de caráter duvidoso.